Economia

A criptomoeda Bitcoin Gold, uma “vertente” baseada no Bitcoin original, sofreu um chamado ataque de “51%”, em que uma única pessoa ou grupo adquire controle de mais de 51% do poder de processamento (ou “hash power”) da rede e usa essa capacidade para gastar várias vezes as mesmas moedas. Não é possível determinar com exatidão o prejuízo causado pelo ataque, mas uma carteira virtual usada pelos criminosos detinha um saldo de US$ 18 milhões (cerca de R$ 65 milhões). As vítimas do ataque foram as chamadas “exchanges”, serviços que trocam uma criptomoeda por outras criptomoedas ou por moedas fiduciárias, como o real e o dólar. Os ataques ocorreram entre os dias 16 e 19 de maio e as medidas de defesa exigiram aumentar o tempo de confirmação das transferências (Fonte.: G1).