Economia

O dólar encerrou com leve queda nesta quarta-feira (30), com a briga pela formação da Ptax (taxa calculada ao final de cada mês pelo Banco Central) ofuscando o cenário externo mais positivo e a intervenção do Banco Central. O mercado também seguiu atento aos desdobramentos da greve dos caminhoneiros. A moeda norte-americana caiu 0,05%, vendida a R$ 3,7356, após chegar a R$ 3,7684 na máxima do dia. Já o dólar turismo chegou a R$ 3,89, depois de bater R$ 3,93. No mês, marcado por uma forte turbulência e pelo aumento da intervenção do Banco Central no câmbio, o dólar subiu 6,65%. Foi a maior alta mensal desde setembro de 2015. Neste ano, a moeda acumula alta de 12,74% (Fonte.: G1).