Economia

Um dia após a decisão do governo federal em autorizar o uso das forças armadas para desobstruir as vias bloqueadas por caminhoneiros em protesto, o Maranhão ainda registra na manhã deste sábado (26) 17 pontos de interdição em rodovias no estado, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF-MA). Este é o sexto dia seguido de protestos contra o aumento no preço do óleo diesel. Segundo a PRF, a partir deste sábado o órgão e o Exército devem começar a cumprir a ordem da Justiça Federal após o pedido da Advocacia Geral da União (AGU) que determina o fim dos bloqueios em rodovias do Maranhão (Fonte.: G1).