Mundo

Mais de 260 mil pessoas morreram na Colômbia durante as quase seis décadas de conflito armado, afirmou um relatório do Centro Nacional Colombiano de Memória Histórica divulgado nesta quinta-feira (2). Essa é a pesquisa mais abrangente sobre mortes neste período já realizada. A pesquisa contabilizou mortes relacionadas ao conflito, incluindo assassinatos, massacres e ataques terroristas. Das 262.197 vítimas, cerca de 215 mil eram civis. Grupos paramilitares formados para combater guerrilheiros foram responsáveis por 94.754 mortes, as guerrilhas por 35.683 e forças de segurança por 9.804. Além disso, entre os 80.500 desaparecidos deste período, 70.587 jamais foram encontrados. O estudo revela ainda que mais de 15,7 mil pessoas foram vítimas de violência sexual (Fonte.: G1).