Economia

O dólar perdeu força no começo da tarde desta terça-feira (4), mas segue operando em alta, depois de bater os R$ 4,19. Os mercados seguem atentos à guerra comercial e com países emergentes e em meio à expectativa pelos números da pesquisa de intenção de votos do Ibope após o fechamento do mercado. Às 13h52 a moeda norte-americana subia 0,25%, vendida a R$ 4,1610. Veja mais cotações. Na máxima do dia, o dólar chegou a R$ 4,1922 e na mínima, a R$ 4, 1388.Na véspera, o dólar fechou em alta de 1,93%, a R$ 4,1505 – no maior valor desde janeiro de 2016. No ano, o dólar já acumula alta de mais de 25% sobre o real(G1).