Mundo

Ao menos 2,3 milhões de pessoas deixaram a Venezuela desde 2015, fugindo da grave crise econômica e política que o país atravessa, informou a ONU nesta quinta-feira.Cerca de três milhões de venezuelanos vivem no exterior, dos quais 2,4 na América Latina e no Caribe, segundo o escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) e a Organização Internacional para as Migrações (OIM(Estado de minas).