Polícia

Um homem de 48 anos foi assassinado na tarde desta quarta-feira na Avenida Abílio Machado, entre os bairros Serrano e São Salvador, Noroeste de Belo Horizonte, com um tiro no rosto. De acordo com o boletim de ocorrência registrado pela Polícia Militar, o desentendimento entre a vítima e o autor do disparo começou quando o atirador, Ademir Ferreira Barbosa, de 68 anos, se referiu ao filho da vítima, dentro de uma sorveteria, como “gordinho bonitinho”, além de simpático e inteligente. Esse tratamento teria incomodado o pai do garoto, gerando uma discussão. O autor informou aos militares que percebeu a vítima andando em sua direção e por isso atirou(Estado de minas).