Mundo

A vacinação contra o sarampo será obrigatória em várias áreas de Williamsburg, no Brooklyn, onde verifica-se uma epidemia que afeta principalmente a comunidade judaica ortodoxa que vive na área e se opõe às vacinas, informou o prefeito de Nova York, Bill de Blasio, nesta terça-feira.O governo municipal de Nova York declarou uma emergência de saúde pública, devido à epidemia de sarampo, que permite exigir a vacina contra sarampo, caxumba e rubéola (tríplice viral) para todos os moradores de áreas afetadas de Williamsburg, um bairro chique onde vivem muitos judeus ortodoxos (Estado de minas).