Política

A dispensa de templos religosos pagarem valor adicional à prefeitura para construir e a alteração da Área de Diretrizes Especiais (ADEs) do Bairro Santa Tereza, na Região Leste, para permitir a verticalização, esquenta os ânimos na Câmara Municipal. As propostas fazem parte de emenda ao projeto de Lei 1749/2015, que altera o Plano Diretor de BH. O texto substitutivo é do vereador Jair di Gregório (PP), que assina em nome da bancada cristã (Estado de minas).