Economia

Com tecnologia australiana de última geração, a empresa brasileira Sigma Mineraçãoacaba de obter o licenciamento ambiental do governo de Minas Gerais para produzir no Vale do Jequitinhonha, uma das regiões mais pobres do país, o concentrado de óxido de lítio – matéria-prima das sofisticadas e demandadas baterias dos veículos elétricos.

O investimento deve alcançar R$ 500 milhões (US$ 125 milhões) numa unidade industrial que será construída no município de Itinga, distante 635 quilômetros de Belo Horizonte, e terá capacidade para gerar cerca de 300 empregos diretos na operação (Fonte : Estado de Minas ).