Trânsito

O Tribunal de Contas de Minas Gerais (TCE/MG) julgou parcialmente procedente uma denúncia contra o presidente da BHTrans, Celio Bouzada, e a secretária municipal de Políticas Urbanas de Belo Horizonte, Maria Fernandes Caldas. Eles terão que pagar multa de R\$ 6 mil. A cobrança se refere a irregularidades em licitação para selecionar empresa de operação de radares na cidade.

Ao todo, o pregão presencial do processo de licitação tinha como valor total orçado mais de R\$ 24 milhões ( Fonte : Estado de Minas ).