Economia

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira, 21, um reajuste médio de 8,73% para os consumidores da Cemig Distribuição (Cemig-D). A nova tarifa entra em vigor a partir de 28 de maio.Segundo a agência, o reajuste médio para consumidores de baixas tensão foi de 7,89% e para os de alta tensão (indústrias) será de 10,71%.

Conforme a Aneel, o reajuste da Cemig foi impactado pelo aumento dos custos de aquisição de energia, como por exemplo, da Usina Hidrelétrica de Itaipu que é precificada em dólar (Estado de Minas).