VARIEDADES

Os túmulos de duas princesas mortas no século XIX, abertos nesta quinta-feira na esperança de encontrar os restos de uma adolescente desaparecida misteriosamente em Roma há 36 anos, estão completamente vazios, anunciou o Vaticano em um comunicado.

A pedido da família da desaparecida Emanuela Orlandi, apresentado após seu advogado receber uma mensagem enigmática, o Vaticano autorizou a abertura esta manhã dos dois túmulos de um pequeno cemitério alemão da Cidade do Vaticano.

(Fonte: Estado de Minas)