Economia

 Depois de crescer 8% em 2018, o segmento de microfranquias (que exigem investimento de até R$ 90 mil) deve ser a grande estrela no mercado neste ano. Isso porque, de acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), está em curso um profundo processo de diversificação e de redução de custos.

Com a revisão de algumas projeções do ano para baixo, os investidores ficaram mais cautelosos, o que favorece investimentos mais conservadores”, disse André Friedheim, presidente da ABF. “Mesmo assim, o mercado como um todo segue em forte crescimento, grande parte em virtude dos seus fundamentos básicos, como trabalho em rede, ganhos em escala e marcas consolidadas”, completa. Embora não existam dados fechados sobre as microfranquias, a entidade afirma que há potencial para dobrar o crescimento do segmento neste ano.

( Fonte:Estado de Minas )