Nossa Gente

Mais de mil imóveis no Rio de Janeiro foram invadidos entre janeiro de 2014 e março de 2019, mostram dados da Polícia Civil obtidos pelo G1 via Lei de Acesso à Informação.

Dos dez bairros com mais casos, oito têm milícias em atividade:

  1. Guaratiba
  2. Campo Grande
  3. Recreio dos Bandeirantes
  4. Santa Cruz
  5. Taquara
  6. Vargem Grande
  7. Sepetiba
  8. Bangu

Esses oito bairros da Zona Oeste têm, somados, 422 casos de esbulho possessório – termo específico para invasão de propriedade em que o ocupante perde a posse.

( Fonte:G1 )