MB News

A operação de busca ininterrupta por vítimas em Brumadinho não para de ter resultados, mesmo após 302 dias de trabalho. Na manhã desta sexta-feira, mais um corpo foi localizado. De acordo com o Corpo de Bombeiros, um tronco com crânio e arcada dentária foi encontrado na região da esperança, em profundidade de três metros, a cerca de 2 km da barragem que se rompeu.

O rompimento da barragem 1 da Mina do Córrego do Feijão, em 25 de janeiro de 2019, deixou 255 mortos e 15 pessoas não foram encontradas. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) para identificação e pode reduzir o número de desaparecidos caso a vítima ainda não tenha sido identificada anteriormente. Nesta sexta-feira, 93 bombeiros militares trabalham em Córrego do Feijão em busca de mais vítimas. O grupo trabalha em 19 frentes, com apoio de um drone e 146 maquinários. Os cães farejadores não apoiam mais a operação.
Fonte: Estado de Minas