MB News

Santa Catarina é o estado mais longevo do Brasil. A expectativa de vida nessa região se aproxima dos 80 anos de idade. No caso das mulheres, que vivem mais que os homens, o parâmetro chega em 83 anos. É o que indicam as últimas pesquisas divulgadas pelo IBGE – Instituo Brasileiro de Geografia e Estatística recentemente. “Este número coloca as mulheres catarinenses num patamar de longevidade próximo de Espanha e Japão, países campeões de longevidade”, afirma o professor e pesquisador Alexandre Correa Lima. Ele, que viaja o mundo para fundamentar suas pesquisas, menciona que este é o resultado de um conjunto de fatores combinados e que podem ser as principais causas desse resultado.

“É provável que elementos como desenvolvimento econômico, IDH e qualidade de vida estejam associados ao fator longevidade. Não é a toa que a longevidade na Europa, um dos continentes mais desenvolvidos e socialmente mais equilibrados, é muito maior que em continentes como a África que possuem indicadores sociais e econômicos mais frágeis”, explica Correa Lima. Para o pesquisador, não se pode desconsiderar também o fator genético, já que nesta região, grande parte da população é descendente de europeus. Dados publicados pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento – PNUD, apontam que o estado de Santa Catarina ocupa há muito tempo os primeiros lugares no ranking de desenvolvimento humano do país.

Fonte: SAP Comunica