Mundo

A atividade manufatureira na China expandiu-se pelo segundo mês consecutivo em dezembro, com a demanda sazonal e sinais de progresso nas negociações comerciais com Washington aumentando a produção e as encomendas das fábricas.

O índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) oficial da China permaneceu inalterado em 50,2 em dezembro ante novembro, informou o escritório nacional de estatísticas do país nesta terça-feira. O dado veio um pouco acima do 50,1 esperado em uma pesquisa da Reuters com analistas. O número também permaneceu acima da marca de 50 pontos, que separa crescimento mensal da contração. As leituras melhores que o esperado sugeriram alguma recuperação na segunda maior economia do mundo este mês. A produção subiu no ritmo mais rápido em mais de um ano, enquanto o crescimento do total de novos pedidos foi apenas um pouco menor do que uma recente máxima alcançada no mês passado.

Fonte: Reuters