Manhã

A Organização Mundial da Saúde (OMS) informou 1.017 mortes por causa do novo coronavírus na China. Na terça-feira (11), a agência da ONU consolidou em mais de 43 mil os casos da doença confirmados no mundo. Na segunda (10), o país registrou 108 mortes, foi o maior pico da doença desde sua descoberta, em dezembro do ano passado.Coronavírus: o que se sabe sobre o novo vírus que surgiu na China

A maior parte dos casos identificados de infecção pelo 2019-nCoV está concentrada dentro da China, segundo a OMS são 99% de toda a incidência mundial. O restante, 393 casos estão espalhados em 24 países. O surto de coronavírus representa uma “ameaça muito grave para o resto do mundo”, disse Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da OMS durante uma reunião com mais de 400 pesquisadores e autoridades mundiais na terça.

Fonte: G1