Manhã

Minas Gerais vai receber, do governo federal, uma leva de testes rápidos para o novo coronavírus. Os primeiros 500 mil dos 5 milhões de exames comprados pela Vale na China chegaram a São Paulo na segunda-feira. Os testes, doados pela mineradora, serão repassados aos 26 estados brasileiros e ao Distrito Federal. Segundo o subsecretário de Vigilância em Saúde, Dario Brock Ramalho, a expectativa é que aproximadamente 50 mil testes rápidos — cujo resultado sai em período entre 15 e 30 minutos — sejam destinados ao estado.

A União deve iniciar a transferência na próxima semana. Profissionais de saúde e das forças de segurança terão prioridade. De acordo com o secretário de Saúde, Carlos Eduardo Amaral, a ideia é que Minas passe a realizar, em pouco tempo, cerca de 1.800 exames diários — levando em conta, também, o teste molecular, aplicado em pacientes graves e de responsabilidade da Fundação Ezequiel Dias (Funed).

Fonte: Estado de Minas