Economia

Um dia após a decisão do governo federal em autorizar o uso das forças armadas para desobstruir as vias bloqueadas por caminhoneiros em protesto, o Maranhão ainda registra na manhã deste sábado (26) 17 pontos de interdição em rodovias no estado, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF-MA). Este é o sexto dia seguido de protestos contra o aumento no preço do óleo diesel. Segundo a PRF, a partir deste sábado o órgão e o Exército devem começar a cumprir a ordem da Justiça Federal após o pedido da Advocacia Geral da União (AGU) que determina o fim dos bloqueios em rodovias do Maranhão (Fonte.: G1).

Economia

O presidente da Petrobras, Pedro Parente, anunciou na noite desta quarta-feira (23) a redução de 10% no preço do diesel nas refinarias e disse que a redução será mantida por 15 dias. Segundo Parente, a redução anunciada significa uma queda de 23 centavos no preço do litro nas refinarias e de 25 centavos para os consumidores. Parente deixou claro que decisão sobre o diesel não abre margem para que o preço da gasolina também caia. “É uma medida de caráter excepcional. Não representa uma mudança de política de preço da empresa”, afirmou o presidente da estatal durante entrevista coletiva. “São 15 dias para que o governo converse com os caminheiros”, acrescentou (Fonte.: G1).

Economia

Após uma sequência de reajustes praticamente diários, a Petrobras reduzirá os preços da gasolina em 2,08% e os do diesel em 1,54% nas refinarias a partir desta quarta-feira (23), em meio a discussões dentro do governo sobre a alta dos preços dos combustíveis e protestos de caminhoneiros. Segundo informou a petroleira, o preço da gasolina nas refinarias cairá de R$ 2,0867 o litro para R$ 2,0433 a partir desta quarta. Já o preço do diesel será reduzido de R$ 2,3716 para R$ 2,3351 (Fonte.: G1).

Economia

FALTA TRABALHO PARA 27,7 MILHÕES DE BRASILEIROS, APONTA IBGE | Taxa de força de trabalho subutilizada ficou em 24,7% no primeiro trimestre, a maior da série histórica, iniciada em 2012. Número inclui trabalhadores desocupados, mas que poderiam trabalhar, e também aqueles que trabalham menos de 40 h por semana.

Economia

O dólar continua em trajetória de alta nesta quarta-feira (9) e chegou à marca dos R$ 3,60, cotação que não era atingida durante os negócios desde 2 de junho de 2016. O cenário externo ainda pesa sobre os mercados diante de temores de juros maiores nos Estados Unidos e tensões geopolíticas envolvendo o país e o Irã.Às 14h53, a moeda norte-americana subia 0,83%, cotada a R$ 3,6002 na venda. Na máxima do dia, porém, foi a R$ 3,6096. A última vez que o dólar fechou acima dos R$ 3,60 foi em 31 de maio de 2016, quando terminou o pregão vendido a R$ 3,6142(G1).

Economia

Os EUA fizeram um acordo preliminar com o Brasil sobre taxas de importação de aço e alumínio, cujos detalhes serão finalizados em até 30 dias. A informação foi divulgada pela Casa Branca poucas horas antes do fim do prazo inicialmente estipulado para o fim da isenção das tarifas de 25% para o aço e de 10% para o alumínio, nesta segunda-feira (30). A tarifa entrou em vigor no dia 23 de março para todos os países, com isenções para Brasil, Austrália, Argentina, Coreia do Sul, União Europeia, México e Canadá. México, Canadá e União Europeia tiveram a isenção de tarifas adiadas até o dia 1º de junho. Já o Brasil, Argentina e Austrária fezeram um acordo inicial, cujo prazo para ser finalizado também é o dia 1º de junho.… leia mais

Economia

Para o ex-presidente do BC, convocação de Paulo Guedes para integrar equipe econômica do pré-candidato é mais uma jogada oportunista do deputado. Bolsonaro eleito será péssimo para economia, diz Gustavo Franco. ( Fonte.: Blooberg).

Economia

O empresário brasileiro inicia 2018 mais otimista em relação aos negócios para os próximos 12 meses, como aponta o estudo International Business Report (IBR), realizado pela auditoria e consultoria Grant Thornton. O índice do Brasil no 4º trimestre de 2017 foi de 31%, aumento de 5 pontos percentuais em relação ao trimestre anterior. O levantamento avalia a expectativa de 2.500 líderes de mercado em 35 economias.

Economia

Sou muito otimista. Sempre fui. Quando os dias difíceis eram anunciados não desanimei. Entre amigos, alguns perguntavam: O que fazer? Trabalhar mais –  Era a resposta. Os tempos difíceis estão ficando para trás. Em 2018, o Brasil será um país melhor. O Brasil sairá das urnas e das muitas crises que vivemos muito melhor. Nesses 7 anos de vacas magras, todos nós crescemos. Todos nós melhoramos. Vencemos os sete anos de vacas magras. O excelente trabalho do Ministro da Fazenda Henrique Meirelles com apoio integral do Governo Temer tirou o país do maior “buraco” da nossa história. No início de 2017, os serviços da dívida ( pagamento de juros) estavam na casa dos R$ 498 bilhões por ano. O custo dos gastos irresponsáveis com juros… leia mais

Economia

1º Bill Gates Fortuna em 2017: US$ 86 bilhões Principal fonte de receita: Microsoft País de Origem: Estados Unidos Idade: 60 anos 2º Warren Buffett Fortuna em 2017: US$ 75,6 bilhões Principal fonte de receita: Berkshire Hathaway País de Origem: Estados Unidos Idade: 86 anos

Economia

Muitos macacos viviam perto de uma certa aldeia. Um dia, um comerciante, o Grande Comprador de Macacos, chegou à aldeia para comprar esses macacos! Ele anunciou que compraria os macacos a $ 100 cada um. Os moradores acharam o homem louco. Eles pensaram. Como alguém pode comprar um simples macaco por US $ 100 cada?  Ainda assim, algumas pessoas pegaram macacos e venderam a US $ 100 por cada macaco. Sucesso.

Economia

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) está completando a renegociação de cerca de R$ 8,2 bilhões das dívidas de 14 Estados, que dará aos governos estaduais uma prorrogação de 10 anos nos pagamentos, incluindo um prazo de carência de 4 anos. A renegociação deverá acabar até o dia 22 de dezembro, de modo a atender ao exigido na Lei Complementar nº 156 de 28 de dezembro de 2016 — que estabelece o Plano de Auxílio aos Estados e ao Distrito Federal, incluindo as dívidas dos entes federativos com o BNDES. 

Economia

A PRODUÇÃO DO CAMPO PETROLÍFERO DE LIBRA, UM DOS MAIORES DO MUNDO, JÁ COMEÇOU.  Hoje é um dia histórico, a Petrobras começou a produzir petróleo no campo gigante de “Libra” uma das maiores reservas de petróleo do mundo. Quando estiver maduro, ele pode, sozinho produzir até 1,5 milhões de barris de petróleo por dia. Ou seja, ele poderá sozinho ser responsável por um faturamento de até 70 bilhões de dólares por ano. Só com libra, vai sobra 1 milhão de barris para exportação. Por enquanto serão 2 bilhões de faturamento mês. E essa faze é ainda experimental. Parabéns para a nossa Petrobras.

Economia

Em 1984, quando era Primeiro Vice-Presidente do BankBoston no Brasil, Henrique Meirelles foi convidado a participar de um curso na Harvard Business School que ensinava executivos a lidar com a economia de guerra. Em tempos de paz, o curso intensivo de quatro meses, criado durante a Segunda Guerra Mundial, é voltado especificamente para a gestão de crise. Mal sabia a direção do BankBoston que, com base, em parte, no conhecimento que adquiriu em Harvard, Meirelles ajudaria o Brasil a vencer duas graves crises econômicas. A primeira em 2008, quando era presidente do Banco Central e superou a repercussão mundial da insolvência do mercado de prime rate dos EUA. E a segunda, este ano, quando, à frente do Ministério da Fazenda, usou toda sua experiência para tirar a… leia mais

Economia

07 de dezembro de 2017 – A inadimplência do consumidor caiu 2,4% em novembro na avaliação mensal com ajuste sazonal, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC. Já nos valores acumulados em 12 meses (dezembro de 2016 até novembro de 2017 frente aos 12 meses antecedentes) houve retração 3,5%. Quando comparado o resultado contra o mesmo mês de 2016, o indicador caiu 11,2%, acumulando no ano retração de 3,3% frente ao mesmo período do ano anterior.