Política

Candidato do PDT à Presidência da República apresentou proposta para a segurança pública durante ato de campanha em Aparecida e Pindamonhangaba. O candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, afirmou nesta sexta-feira (21) que as leis brasileiras “são muito frouxas” e “não acompanharam a sofisiticação do narcotráfico e das facções criminosas”. Ele sugeriu mudança das regras e fortalecimento do orçamento da segurança pública durante campanha em Aparecida e Pindamonhangaba, sua cidade natal, no interior de São Paulo. “O Brasil precisa fundar um sistema único de segurança pública e tem que reforçar o orçamento e mudar um punhado de regras, de leis que são muito frouxas e não acompanharam a sofisiticação do narcotráfico e das facções criminosas”, disse. No início da manhã, Ciro fez… leia mais

Política

Gilmar Machado foi preso na manhã desta quinta-feira , em Uberlândia, onde Ministério público deflagrada Operação “Kms de Vantagem”   O Ministério Público  Estadual (MPE) em Uberlândia, no Triângulo mineiro, por meio do  Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), deflagrou, na manhã desta quarta-feira, Operação “Kms de Vantagem”, com o cumprimento de 30 mandados de prisão, entre eles o do ex-prefeito da cidade Gilmar Machado (PT), denunciado por participação em licitação irregular para compra de  vans  para o município. Além dos mandados de prisão preventiva e temporária, a Justiça de Uberlândia expediu ainda outros 31 mandados de busca e apreensão para serem cumpridos não só em Uberlândia, mas também em Catalão e Goiânia, ambas no estado de Goiás, e em Porto… leia mais

Política

O senador deixará casa de cerca de 2.500 metros quadrados no Lago Sul, bairro de classe média alta da capital federal, para um apartamento funcional Disposto a mudar de Casa no Congresso, o senador Aécio Neves (PSDB-MG), que tenta uma vaga na Câmara dos Deputados nas eleições de outubro, também pretende trocar seu endereço residencial em Brasília. Ele se mudará com a família, no próximo mês, de uma casa de cerca de 2.500 metros quadrados no Lago Sul, bairro de classe média alta da capital federal, para um apartamento funcional. Segundo a assessoria de imprensa do senador informou ao Estadão/Broadcast, Aécio decidiu se mudar porque o contrato de aluguel com a empresa dona da casa, a SN Investimentos e Participações Imobiliários, está perto do fim.… leia mais

Política

Candidata da Rede à Presidência afirmou que legalização do aborto deveria ser discutida em plebiscito. Sem citar nomes, ela criticou candidaturas que chamou de ‘saudosismo autoritário’ e ‘conivência com a corrupção’.   A candidata da Rede à Presidência da República, Marina Silva, disse nesta quarta-feira (19) que vetaria a legalização do aborto caso o tema fosse aprovado pelo Congresso. Ela foi questionada sobre o assunto em uma entrevista organizada pela revista “Veja”. Hoje, o aborto não é considerado crime em três hipóteses: se a gravidez for ocasionada por estupro; se o feto for anencéfalo; se houver risco à vida da mãe. Marina disse que, para aumentar as possibilidades de legalização, deveria ser feito uma consulta à população por meio de um plebiscito. “Se o Congresso… leia mais

Política

O candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes, disse nesta quarta (19) em entrevista ao G1 e à CBN, que “o Brasil não suporta mais um presidente fraco, um presidente sem autoridade, um presidente que tenha que consultar o seu mentor”, em crítica ao PT. O pedetista ficou estável na última pesquisa Ibope, com 11%, e viu Fernando Haddad (PT) ultrapassá-lo e se isolar na segunda colocação com 19%, atrás de Jair Bolsonaro (PSL), com 28% .  Ciro também criticou o voto útil no 1º turno, dizendo que o eleitor deve optar pelo “menos pior” no 2º turno. Sobre a declaração de Haddad de que contava com o apoio de Ciro num eventual 2º turno, o entrevistado classificou como “inexperiência” ou “arrogância” do petista.   Fonte:… leia mais

Política

O presidente da República, Michel Temer, disse na noite de hoje (18) que o próximo presidente eleito não conseguirá deixar a trilha traçada por seu governo. Temer, que discursou em evento de empresários na capital paulista, ressaltou ainda que o futuro mandatário da nação terá de fazer “necessariamente” a reforma da Previdência.

Política

Balanço divulgado nesta terça-feira mostra tentativa de barrar 2,6 mil candidatos, no total. BRASÍLIA – O Ministério Público Eleitoralimpugnou 749 candidaturas nas eleições de 2018 com o argumento de que elas descumpriam a Lei da Ficha Limpa. Balanço divulgado nesta terça-feira pelo órgão destaca que, ao todo, o Ministério Público tenta barrar 2.636 registros de candidatura, o equivalente a 9,1% do total de inscritos na disputa. Os casos impugnados com base na Lei da Ficha Limpa representam 28,4% das ações do MP. Dentre os casos enquadrados na Lei estão o de 278 candidatos condenados por órgão colegiado no Judiciário, caso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que teve o registro negado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Há ainda 174 impugnações com base na Lei da Ficha… leia mais

Política

Pressionado, Haddad, pela primeira vez, negou: “Não. Não ao indulto”, disse   O candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad (PT), afirmou nesta terça-feira, 18, que não vai dar indulto ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado e preso pela Operação Lava Jato, caso seja eleito. “Lula é o primeiro a dizer que não quer favor, quer reconhecimento do erro do Judiciário”. Pressionado, Haddad, pela primeira vez, negou: “Não. Não ao indulto”, disse, em entrevista à Rádio CBN e ao portal G1. Na entrevista, Haddad citou novamente que nas visitas que faz ao líder petista o próprio Lula rechaça a ideia de deixar a prisão por meio de um decreto presidencial, pois confia que as cortes brasileiras de Justiça e os fóruns internacionais irão… leia mais

Política

O general da reserva Hamilton Mourão é candidato a vice-presidente na chapa de Jair Bolsonaro   Vice na chapa de Jair Bolsonaro, candidato do PSL à Presidência, o general da reserva Hamilton Mourão (PRTB) disse nesta segunda-feira, 17, em São Paulo, que famílias pobres “onde não há pai e avô, mas, sim, mãe e avó” são “fábricas de desajustados” que fornecem mão de obra ao narcotráfico. “A partir do momento em que a família é dissociada, surgem os problemas sociais. Atacam eminentemente nas áreas carentes, onde não há pai e avô, mas, sim, mãe e avó, por isso é fábrica de elementos desajustados que tendem a ingressar nessas narcoquadrilhas”, disse ele, durante palestra a empresários, fazendo um paralelo entre formação da família e ação de… leia mais

Política

O advogado Tiago Cedraz, filho do ministro Aroldo Cedraz do Tribunal de Contas da União, é alvo da quarta fase da Operação Registro Espúrio deflagrada na manhã desta terça-feira (18) pela Polícia Federal (PF). A operação, autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), investiga supostos desvios de valores da Conta Especial Emprego e Salário (CEES). O apartamento e o escritório de Tiago, são alvos de mandados de busca. O sócio dele Bruno de Carvalho Galiano é alvo de mandado de prisão temporária. PF chegou a pedir a prisão de Tiago Cedraz, mas o STF indeferiu. Tiago Cedraz é investigado pelos supostos crimes de peculato e corrupção ativa.(Fonte;G1).

Política

Esta é a primeira pesquisa CNT/MDA realizada após a saída do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva da disputa, depois deste ter sua candidatura impugnada pela Lei da Ficha Limpa, e da substituição por Haddad O deputado Jair Bolsonaro (PSL) lidera as intenções de voto na corrida presidencial, com 28,2%, segundo pesquisa CNT/MDA, divulgada nesta segunda-feira, 17. O candidato Fernando Haddad (PT) aparece em segundo lugar, com 17,6%, e Ciro Gomes (PDT) tem 10,8%. Esta é a primeira pesquisa CNT/MDA realizada após a saída do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disputa, depois deste ter sua candidatura impugnada pela Lei da Ficha Limpa, e da substituição por Haddad. Também é a primeira pesquisa CNT/MDA feita após o atentado contra Bolsonaro. O candidato do PSDB, Geraldo… leia mais

Política

Polêmicas e memes são as buscas mais comuns associadas aos nomes dos candidatos à Presidência da República no último mês. É o que deixa claro um levantamento feito pelo Blog #FocaNoVoto sobre as pesquisas relacionadas aos nomes dos treze postulantes ao Palácio do Planalto nessa eleição. Utilizando a ferramenta Google Trends, pesquisamos as palavras mais buscadas no site junto aos nomes de cada candidato entre o dia do primeiro debate entre os presidenciáveis (09 de agosto) e a última quarta (12 de setembro). A maior parte das pesquisas relacionadas ao nome de Jair Bolsonaro tem relação com o atentado que ele sofreu no último dia 6 de setembro, em Juiz de Fora. Uma das pesquisas mais comuns junto com seu nome é pelo termo “morreu”. Também tem muita gente querendo saber quem é a mulher do candidato. A palavra “esposa” aparece com destaque… leia mais

Política

O candidato do MDB à presidência da República, Henrique Meirelles, cumpriu agenda em Brasília na manhã desta sexta-feira (14). No auditório de um centro universitário particular, ele disse que, se for eleito, vai ampliar o acesso dos estudantes de baixa renda ao ensino superior. “Estamos discutindo uma proposta de aumentar a disponibilização do Fies. O que deve ser alcançado pelo estudante para conseguir o Fies? Tem a renda e a aprendizagem”, explicou. Em fevereiro, Meirelles havia afirmado que o Fies gerou um passivo “elevado” para o Tesouro Nacional. Na ocasião, o candidato deu a declaração em uma palestra no Seminário Internacional sobre Financiamento Estudantil, ao defender uma reformulação do sistema. “Estamos analisando o tipo de pontuação dos estudantes que saem da educação pública. Temos que melhorar o nível. Muitas… leia mais

Política

Em artigo publicado na revista Times, Marinete da Silva, mãe da vereadora executada, desabafa: ”Por que os assassinos ainda estão livres?” Minha filha era uma política em ascensão no Brasil. Seis meses depois do assassinato dela, porque os assassinos ainda estão livres?”. Essa frase é o título de um artigo publicado na revista norte-americana Times nesta sexta-feira (14), quando se completam seis meses da execução da vereadora Marielle Franco (Psol) e do motorista Anderson Gomes. O texto é assinado por Marinete da Silva, advogada e mãe de Marielle.   “Todos os dias eu me pergunto o que uma vereadora ativa e defensora dos direitos humanos pode ter feito para ter gerado tamanha violência. Ainda não tenho respostas”, desabafa.   A morte da vereadora do Psol… leia mais

Política

O ex-governador de Minas Gerais Eduardo Azeredo (PSDB), de 70 anos, foi internado no Hospital Mater Dei, na Região Centro-Sul de Belo, na manhã dessa terça-feira (11), para uma cirurgia na próstata. A informação foi divulgada, na manhã desta quarta-feira, pela Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap). A Seap e o hospital não comentaram o estado de saúde do ex-governador(Estado de minas).

Política

Estados Unidos, Japão e Portugal concentram mais da metade (51,9%) dos brasileiros aptos a votar no exterior nas eleições deste ano. Esses eleitores podem votar apenas para presidente. No total, 500.727 eleitores estão inscritos nas 1.790 seções eleitorais fora do Brasil. Apenas 13 países têm mais de 5 mil eleitores cadastrados e reúnem 86,5% do eleitorado inscrito no exterior. Os números são os mais atualizados da Justiça Eleitoral. Nas eleições de 2014, 354,2 mil eleitores estavam aptos para votar fora do Brasil. Isso significa que houve um aumento de 41,4% no eleitorado do exterior na comparação de 2014 com 2018. Na época, Miami era a cidade com a maior quantidade de eleitores brasileiros aptos para votar(G1).

Política

A despeito da facada que vitimou o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), ele terá de aprender a respeitar as mulheres. A opinião é do concorrente Henrique Meirelles, candidato do MDB ao cargo. “Independentemente da situação pessoal, ele vai ter que aprender a respeitar mulher, sim, porque quando eu for Presidente da República, nós vamos exigir o respeito a todos os gêneros. Mulheres e todas as raças serão respeitadas”, disse Meireles nesta segunda-feira (10) durante o evento de campanha em Parelheiros, bairro da periferia na zona Sul de São Paulo. Ele ponderou que é preciso fazer “manifestação de respeito” a Bolsonaro, mas, “depois, com o problema da saúde do candidato resolvido”, as ideia dele serão combatidas. “Não é combater a pessoa. Nós somos radicalmente contra discriminação contra… leia mais

Política

MAUÁ (SP) – O candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes, criticou na manhã desta segunda-feira, 10, o concorrente do PSL, Jair Bolsonaro, durante agenda pública em Mauá, na região metropolitana de São Paulo.

Política

Ex-ministro da Fazenda, o candidato do MDB à Presidência, Henrique Meirelles, afirmou nesta segunda-feira (10), em entrevista ao G1 e à rádio CBN, que pretende corrigir a tabela de imposto de renda se vencer a eleição presidencial, porém, condicionou a atualização à aprovação de reformas – como a da Previdência Social – ou ao aumento de tributos.(Fonte;G1).

Política

A presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rosa Weber, negou a prorrogação do prazo para o PT substituir o nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na cabeça de chapa presidencial. Com a decisão, o PT tem até amanhã (11) para fazer a troca de nomes. Se não definir, o partido pode ficar sem coligação na disputa à Presidência da República. Nas articulações políticas, o nome que ganha força para substituir Lula é o do candidato a vice-presidente Fernando Haddad, ex-prefeito de São Paulo e ex-ministro da Educação.  

Política

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, expressou seu desejo de se reunir novamente e em breve com o presidente da China, Xi Jinping, para continuar consolidando laços com o país vizinho, segundo informou nesta segunda-feira (10) a agência estatal de notícias “KCNA”. Assim transmitiu Kim a Li Zanshu, “número três” de Pequim com o qual se reuniu neste domingo (9) em Pyongyang por causa das celebrações do 70º aniversário da fundação da Coreia do Norte.

Política

Jair Bolsonaro, levou uma facada na região do tórax durante um ato de campanha em Juiz de Fora (MG), segundo informações da PM. Um suspeito foi preso.No momento da confusão, Bolsonaro estava sendo carregado nos ombros por um apoiador de sua campanha, fazendo corpo a corpo com eleitores, na região do Parque Halfald. Enquanto ele acenava para os simpatizantes de sua candidatura, uma pessoa se aproximou dele e, supostamente, deu uma facada no presidenciável.

Política

O vereador de Belo Horizonte Élvis Côrtes (PHS) teve o mandato cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais na manhã desta terça-feira (4) por infidelidade partidária. A decisão foi a primeira nos processos impetrados pelo Ministério Público Eleitoral mineiro contra quem usou a janela partidária aberta entre 8 de março e 7 de abril, que era destinada aos deputados federais e estaduais para mudar de partido. Cabe recurso(Estado de minas).

Política

Segundo o ex-ministro da Fazenda do governo Temer, uma economia brasileira sustentável precisa passar por uma ampla reforma da Previdência Social. Em 2017, o déficit previdenciário foi de R$ 182,45 bilhões, rombo equivalente a 2,8% do Produto Interno Bruto (PIB). O valor atingiu seu pior patamar desde 1995, quando começou a série histórica.”Para promover o crescimento sustentado, impõe-se uma necessária e inaudível reforma da Previdência Social, visando sobretudo ao combate a distorções e privilégios”, diz o programa de governo do presidenciável. Henrique Meirelles apresenta duas metas na área: adoção de uma idade mínima para se aposentar e a convergência do sistema de aposentadorias dos funcionários públicos ao sistema dos trabalhadores do setor privado,  “Não há como enfrentar as tecnologias do século 21 sem mudar nossa forma de… leia mais

Política

 O candidato do MDB à Presidência da República, Henrique Meirelles, disse nesta quarta-feira (29) que distribuir armas à população como forma de combater a violência seria “voltar à situação de selvageria”. Segundo ele, violência deve ser enfrentada com inteligência. Meirelles participou de sabatina promovida pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), em Brasília. O tema do armamento é uma das plataformas de campanha de um dos rivais de Meirelles ao Palácio do Planalto, o candidato do PSL, Jair Bolsonaro. “Acho que violência se enfrenta com inteligência. Não é com volta atrás. Distribuir armas, entendo perfeitamente que pode ser uma primeira tentação. Se o Estado não cumpre a sua obrigação, então me deixa aqui carregar uma metralhadora que vou dar tiro aí em qualquer invasor. Só… leia mais

Política

Com a venda de três distribuidoras de energia da Eletrobrás, chegou a cem o total de projetos leiloados no governo Michel Temer. A marca será celebrada nesta sexta-feira, 31, com direito a bolo, no Palácio do Planalto, onde ficam os técnicos do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI). Os leilões geraram RS 43 bilhões em outorgas (pagamento pelo direito de explorar bem público) e mobilizaram investimentos de R$ 153,9 bilhões, segundo o secretário de Coordenação de Projetos do PPI, Tarcísio Freitas(Estado de minas).

Política

Candidato do Novo participou de sabatina do ‘Estado de São Paulo’ em parceria com a Faap. Ele disse ser contra a taxação de grandes fortunas e a favor do porte de arma. O candidato à Presidência João Amôedo disse nesta terça-feira (28) que, se eleito, irá privatizar a Caixa Econômica, o Banco do Brasil e os Correios. “Nós entendemos que não cabe ao estado fazer gestão de instituições financeiras, de entregas de correspondências, de posto de gasolina”, afirmou. O empresário participou nesta manhã de uma sabatina promovida pelo jornal “O Estado de São Paulo” em parceria com a Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP), das 10 às 12h.   “O estado tem que direcionar sua atuação para aquelas áreas que o cidadão precisa, educação básica, saúde, segurança e… leia mais

Política

O evento, que terá pela primeira vez desde o início da campanha Dilma, Pimentel, Haddad e Manuela, será na Praça Duque de Caxias, em Santa Tereza.< Pela primeira vez desde o início da campanha eleitoral, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) e a deputada federal Manuela D’Ávila (PCdoB) estarão em Belo Horizonte nesta terça-feira (28) para lançar o plano de governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O ato, marcado para 18h na Praça Duque de Caxias, em Santa Tereza, terá a presença da ex-presidente Dilma Rousseff. Além dos principais líderes do partido, o ato terá a candidata a vice-governadora Jô Moraes (PCdoB) o segundo candidato ao Senado da chapa, deputado federal Miguel Corrêa Jr. Pimentel e Dilma Será a primeira vez que… leia mais

Política

 O candidato do MDB à Presidência da República, Henrique Meirelles, propôs nesta quarta-feira (22) um aumento gradual do Imposto de Rendapara quem ganha mais. Além disso, propôs a criação de um tributo sobre dividendos. A declaração foi dada à Record que, durante as próximas três semanas, realizará entrevistas com os principais candidatos à Presidência. Meirelles foi o quinto sabatinado. Até o momento, além do candidato do MDB, foram entrevistados (Fonte.: G1).

Política

Candidato ao governo do estado pelo PSDB foi denunciado por improbidade administrativa no uso do símbolo ‘SP Cidade Linda’ em ações da prefeitura. Cabe recurso. A juíza Carolina Martins Cardoso da 11ª Vara da Fazenda Pública condenou nesta sexta-feira (24) o candidato ao governo de São Paulo pelo PSDB, João Doria, à suspensão dos direitos políticos por 4 anos. A decisão foi publicada no site do Tribunal de Justiça de São Paulo. Cabe recurso.

Política

Até agora já foram constatadas 1.077 irregularidades em registro de candidaturas BRASÍLIA – O Ministério Público Eleitoral (MPE) já identificou irregularidades em 1.077 registros de candidaturas para as eleições deste ano. Em 310 casos estava configurada a “inelegibilidade chapada”, isto é, no próprio pedido de registro foram constatadas provas suficientes para se barrar a candidatura. Nesses casos, o MPE pediu a impugnação das candidaturas. Os dados são de um levantamento parcial do próprio MP divulgados nesta sexta-feira e que levam em conta todos os 20 mil registros disponibilizados pela Justiça Eleitoral de todo país. Como os Tribunais Regionais Eleitorais e o próprio Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ainda estão divulgando os registros que foram pedidos, o número de irregularidades pode ser ainda maior. Um dos pedidos de impugnação do próprio foi contra o ex-presidente Luiz Inácio… leia mais

Política

O presidente da República Michel Temer se reuniu na noite de quinta-feira no Palácio da Alvorada com os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli e Luiz Fux para tratar dos “vencimentos do Judiciário”, segundo nota do Planalto.No começo do mês, o Supremo aprovou reajuste de 16% no salário dos ministros da Corte, para 2019. O salário atual é de R$ 33,7 mil e com o aumento passará para R$ 39,3 mil por mês.

Política

Tribunal intimou o ex-presidente nesta quinta-feira (23). Petista terá que contestar, por meio de seus advogados, 16 impugnações e notícias de inelegibilidade apresentadas à Justiça Eleitoral. Tribunal Superior Eleitoral (TSE) intimou nesta quinta-feira (23) o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva – candidato do PT à Presidência – a apresentar defesa de sua candidatura em até 7 dias corridos, prazo que termina em 30 de agosto. Por meio de seus advogados, o petista deverá contestar todas as 16 impugnações e notícias de inelegibilidade apresentadas por outros partidos, candidatos e cidadãos ao seu registro de candidatura. Pela Lei da Ficha Limpa, Lula está inelegível, em razão de ter sido condenado criminalmente por tribunal de segunda instância. Mas a candidatura dele ainda será julgada pelo TSE.

Política

Dez dias depois de dizer ter certeza que tentarão matá-lo, o candidato a presidente deputado federal Cabo Daciolo (Patriota) não pediu à Polícia Federal para fazer sua segurança. Também não se licenciou do cargo na Câmara dos Deputados e pode ter o salário descontado se não apresentar justificativa aceita pela Mesa Diretora da Casa. Daciolo apareceu com 1% das intenções de voto na pesquisa dessa quarta-feira (22) da DataFolha, que tem margem de erro de 2 pontos percentuais. O candidato teve o registro deferido para participar da eleição na manhã desta quinta-feira.

Política

O presidente da Assembleia confirmou a participação na disputa nesta quinta-feira. O MDB prepara um evento para segunda-feira para o lançamento oficial. Adalclever disse que Lacerda será o alicerce e o grande eleitor do pleito. Ele prometeu seguir o plano de governo registrado pelo ex-prefeito e afirmou que, se eleito, Lacerda terá participação certa no governo. “Marcharemos juntos nessa terceira via, que foi construída com a unidade de mais de 40 parlamentares, essa estrutura é fundamental para essa candidatura. Estou pronto para disputar o governo e me coloco à disposição da população de Minas para enfrentar essa grande batalha”, afirmou. Adalclever disse estar certo de que a população quer uma terceira via no comando do estado, que não seja do PT nem do PSDB. Questionado… leia mais

Política

Percentual dos candidatos sem bens é menor que o das últimas duas eleições: são mais de 10,6 mil candidatos sem nenhum bem. Já o número de postulantes com mais de R$ 1 milhão só cresce. Dados do Tribunal Superior Eleitoral revelam que 10.611 candidatos destas eleições declaram não ter nenhum bem. Isso representa 38% do total de postulantes a algum cargo neste pleito. Na outra ponta estão 2.902 candidatos que dizem ter mais de R$ 1 milhão – o que equivale a 10%. O levantamento foi feito pelo G1 – portal de notícias da globo, com base nas prestações feitas pelos candidatos ao TSE. O percentual dos candidatos sem bens é menor que o das últimas duas eleições. Em 2010, por exemplo, 41% dos candidatos declararam “patrimônio… leia mais

Política

Ministro diz que fake news podem ser enquadradas em artigo do Código Eleitoral que prevê anulação de votação viciada por falsidade ou fraude BRASÍLIA  – O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, voltou a dizer nesta quarta-feira, 22, que o Código Eleitoral brasileiro prevê a anulação de uma eleição caso seu resultado tenha sido influenciado pela disseminação de notícias falsas, conhecidas como fake news. Ele participou do painel “Sociedade da informação e os desafios da desinformação” do 28º Congresso Brasileiro de Radiodifusão, promovido pela Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert). “Com relação à tutela do campo eleitoral em si, nós temos o direito de resposta, que tem muita eficiência, nós temos multas, temos a cassação de diplomas e nós temos uma previsão que… leia mais

Política

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quarta-feira (22) apontou os percentuais de intenção de voto para presidente da República em dois cenários com candidatos diferentes do PT – o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no primeiro cenário e o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad no segundo.(Fonte;G1).

Política

O candidato do MDB à Presidência da República, Henrique Meirelles, cumpriu agenda de campanha em Ribeirão Preto (SP) na manhã deste sábado (18). Ao lado do candidato ao governo de São Paulo da legenda, Paulo Skaf, ele falou sobre as propostas para o agronegócio e comentou as estratégias que adotará para melhorar a popularidade na corrida eleitoral. Meirelles defendeu em sua fala a liberação de crédito e os investimentos em obras de transportes diversificados para impulsionar e trazer mais competitividade ao agronegócio. “Nós queremos transformar o Brasil em um canteiro de obra, de maneira que o agronegócio possa ter um transporte mais rápido e com menor custo. E, ao mesmo tempo, usar não só as estradas, mas ferrovias principalmente, porque é um sistema mais eficiente para… leia mais

Política

O número de pedidos de registro de candidatura a deputado federal nas eleições de 2018 ultrapassou o de 2014, segundo um balanço parcial do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Até a publicação desta reportagem, havia 8.071 pedidos. Na última eleição, foram 7.137.Dados apontam que fatia de mulheres está em 31,7% em 2018, proporção muito semelhante à registrada em 2014 – 31,8%.Os números são parciais e ainda podem mudar pois os pedidos de candidatura puderam ser feitos pelos partidos até as 19h de quarta-feira (15), mas o TSE não divulgou um balanço fechado e tem atualizado os números regularmente – a última vez ocorreu por volta das 8h desta sexta.Os dados finais devem ser conhecidos após o dia 20(G1).

Política

O candidato à Presidência pelo MDB, Henrique Meirelles, disse nesta 4ª feira (15.ago.2018) que seu partido não formou uma “vasta coalizão”com outras siglas porque queria “manter a independência”.“Não temos uma aliança de vários partidos fortes porque não queremos dever favores a ninguém. Vamos ganhar com a nossa proposta, com o nosso objetivo, com o plano de governo do vice-presidente [Germano] Rigotto e meu (…). Vamos fazer 1 governo independente e técnico como o povo quer“, afirmou em Congresso Nacional das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos, em Brasília (Fonte.: Poder 360).

Política

A legislação eleitoral deixou uma brecha para o ex-presidente Lula não apresentar a certidão de antecedentes criminais com a condenação que sofreu no processo do tríplex do Guarujá, no momento do registro de sua candidatura no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que será oficializada até esta quarta-feira (15), com a entrega de um DVD. As certidões criminais são determinantes para saber se o candidato está inelegível – a Lei da Ficha Limpa diz que não pode ser eleito aquele que tiver condenação por órgão colegiado em 2ª grau.Com isso, o petista, que está preso na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, deve ganhar mais tempo na discussão sobre o registro de sua candidatura ao Palácio do Planalto pelo PT(G1).

Política

A experiência como ex-ministro da Fazenda e presidente do Banco Central foi invocada, nesta terça-feira (14), pelo candidato do MDB à Presidência, Henrique Meirelles, como argumento para restabelecer a confiança no país. “Vamos implantar um programa de quatro anos de crescimento, com credibilidade”, disse. Ao considerar a economia “base de tudo”, o emedebista disse que ela precisa crescer para gerar mais empregos, mais renda e mais salários. O presidenciável foi um dos participantes do encontro Diálogo Eleitor Unecs, promovido pela União Nacional de Entidades do Comércio e Serviços, que reúne empresários desse setor (Fonte.: Agência Brasil).

Política

Os deputados Jânio Xingú (PSL) e Masamy Eda (MDB) trocaram socos e tapas durante a sessão desta terça-feira (14) na Assembleia Legislativa de Roraima, em Boa Vista.Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento do conflito. Nele é possível ver que Masamy Eda estava posicionado na bancada da Mesa Diretora da Casa ao lado do deputado Naldo da Loteria (PSB).Xingú estava do outro lado da bancada. Apesar de as imagens não terem áudio, servidores da ALE-RR relataram que os parlamentares trocaram ofensas antes da agressão física e que eles já discutiam desde o início da sessão.As agressões violentas duram poucos segundos até os parlamentares serem contidos por um policial da casa e outros parlamentares.Os servidores ouvidos não souberam informar o motivo da briga(G1).

Política

A ministra Rosa Weber   tomará posse nesta terça-feira (14) como nova presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A cerimônia está marcada para as 20h e também tomarão posse os ministros Luís Roberto Barroso (novo vice-presidente da Corte) e Jorge Mussi (novo corregedor-geral da Justiça Eleitoral). Ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber assumirá o comando do TSE no lugar Luiz Fux e comandará a Corte até maio de 2020.

Política

Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) negou nesta quinta-feira (9) pedido do Partido dos Trabalhadores para que Luiz Inácio Lula da Silva participasse do debate da TV Bandeirantes com candidatos à Presidência da República nas eleições de 2018, esta noite. Advogados do PT entraram com mandado de segurança após um pedido anterior não ter sido analisado. “Incabível a impetração por ausência dos requisitos previstos em lei, indefiro a inicial”, decidiu a relatora Cláudia Cristina Cristofani. Lula cumpre pena na Polícia Federal, em Curitiba, desde 7 de abril. Ele foi condenado em segunda instância na Lava Jato a 12 anos e 1 mês por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, no caso do triplex em Guarujá (SP). O ex-presidente foi anunciado candidato do PT na noite de domingo (5) (Fonte.:… leia mais

Política

O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi eleito nesta quarta-feira (8) para a presidência da Corte pelos próximos dois anos. A eleição é feita entre os próprios ministros do tribunal. Toffoli foi eleito com dez votos favoráveis e um contrário – é comum que o ministro que assumirá o posto a presidência vote em seu vice. Ele assume em 13 de setembro. A eleição foi protocolar. O Supremo adota para a sucessão de seus presidentes um sistema de rodízio baseado no critério de antiguidade. É eleito o ministro mais antigo que ainda não presidiu o STF. Também na sessão desta quarta, o ministro Luiz Fux foi eleito vice-presidente do Supremo para o próximo biênio (Fonte.: G1).

Política

Germano Rigotto foi confirmado como candidato a vice de Henrique Meirelles nas eleições para a Presidência da República em 2018, durante convenção do MDB no Rio Grande do Sul, neste domingo (5). A inclusão do ex-governador gaúcho na chapa havia sido anunciada no sábado (4). Pela primeira vez desde 1994, o MDB terá candidatura própria ao Planalto. “O MDB terá seu projeto nacional, sua cara própria”, afirmou Rigotto, durante a convenção. Ele declarou que é uma “honra enorme” estar ao lado de Meirelles na corrida presidencial. “Vamos mostrar que é possível sim sair de 2%, 3% [de intenções de votos] nas pesquisas e ganhar uma eleição nacional”, acrescentou o candidato. Já Meirelles ressaltou que Rigotto fará “uma grande diferença” na disputa. “Em uma época de polarização e extremismos, é… leia mais

Política

O MDB aprovou nesta quinta-feira (2) a candidatura de Henrique Meirelles à Presidência da República. O partido confirmou o nome do ex-ministro da Fazenda na corrida ao Palácio do Planalto durante convenção nacional, em Brasília, com a presença do presidente Michel Temer. O resultado da votação foi anunciado pelo presidente do MDB, senador Romero Jucá (RR). Segundo ele, a candidatura de Meirelles recebeu 357 votos dentre 419 votantes – 85% do total. Houve 56 votos contrários e seis brancos (Fonte.: G1).