Política

O Ministério Público do Estado de São Paulo (MP-SP) pediu o arquivamento, por falta de provas, do inquérito sobre as acusações de estupro e agressão feitas pela modelo Najila de Souza contra o jogador Neymar Júnior. O arquivamento da investigação agora depende de uma decisão judicial da Vara de Violência Doméstica, que deve ser tomada em cinco dias.

“Decidimos pelo arquivamento do processo por não haver provas suficientes do que foi alegado pela vítima protegida

( Fonte: Agência Brasil )

Política

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, nesta sexta-feira, 9, que pretende transferir o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) para o Banco Central. O órgão pode ter um quadro efetivo e até mudar de nome, declarou Bolsonaro ao deixar o Palácio da Alvorada nesta sexta-feira, 9. “O que pretendemos é tirar o Coaf do jogo político, pretendemos, estamos conversando, vincular o Coaf ao Banco Central. Tudo onde tem política, mesmo bem intencionado, sobre pressão”, disse o presidente.

De acordo com ele, o Coaf no Banco Central vai fazer o “trabalho sem qualquer suspeição de favorecimento político”.

( Fonte:Estado de Minas )

 

Política

Um desentendimento entre um vereador e um secretário de estado nessa quarta-feira (7) acabou parando na delegacia em Vespasiano, Região Metropolitana de Belo Horizonte. Após ser cobrado na sede da prefeitura da cidade pelo parlamentar Reinaldo Alves de Souza (MDB), conhecido como Reinaldo Motorista, o titular da Secretaria de Saúde Luiz Felipe Caram deu voz de prisão para ele por desacato.

O caso foi registrado em Boletim de Ocorrência na Polícia Militar. Quem chamou a polícia foi o secretário, que disse estar em reunião quando foi informado que o vereador lhe aguardava para conversar, junto com um casal, para pedir uma cirurgia para uma adolescente.

( Fonte: Estado de Minas  )

Política

Nova pesquisa de avaliação do governador de Minas, Romeu Zema (Novo), mostra que 61,6% dos pesquisados aprova a administração dele até aqui. Já outros 32,7% não estão satisfeitos e desaprovam a gestão. Outros 5,7% não sabem ou não opinaram.

O levantamento foi feito pelo Instituto Paraná com 1.810 eleitores com 16 anos ou mais em 82 municípios do estado entre os dias 28 de julho e 02 de agosto. A pesquisa tem nível de confiança de 95% e margem de erro de 2,5 pontos percentuais para ou para menos.

( Fonte: Estado de Minas )

Política

O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (6) que a economia está dando sinais de recuperação e reafirmou que está trabalhando para desburocratizar e facilitar a vida dos empresários brasileiros. Bolsonaro falou hoje a empresário do setor automotivo durante a abertura do 29º congresso da Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), em São Paulo.

“A economia, como dá sinais fortes de reação, devemos sim, em grande parte, ao Ministério da Economia, que temos a frente o nosso [ministro] Paulo Guedes

( Fonte: Agência Brasil )

Política

O governo federal inaugurou hoje (5) a primeira etapa da usina solar fotovoltaica flutuante, que transforma a luz solar em energia elétrica, instalada pela Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) no reservatório da Usina Hidrelétrica de Sobradinho, na Bahia. O empreendimento aproveita a área represada do Rio São Francisco e tem capacidade de gerar de 1 megawatt-pico (MWp) de energia.

O objetivo do governo federal é ampliar essa experiência, de instalar painéis solares em espelhos da água, para atrair investimentos privados e promover leilões de geração de energia renovável na área de transposição do Rio São Francisco.

( Fonte:Agência Brasil )

Política

A ministra do Supremo Tribunal Federal (STFRosa Weber deu um prazo de 15 dias para o presidente da República, Jair Bolsonaro, “querendo”, esclarecer fala em que sugeriu que a ex-presidente Dilma Rousseff teria participado de ações armadas durante a ditadura militar que resultaram na morte do capitão do Exército americano Charles Chandler. O presidente não é obrigado a se manifestar ao Supremo sobre o caso.

Esta é a segunda vez em menos de uma semana que o STF dá prazo para Bolsonaro se manifestar sobre declarações controversas.

( Fonte:Estado de Minas )

Política

Uma ação em tramitação no Supremo Tribunal Federal (STF) questiona o pagamento de R$ 7,79 milhões a cada mês, em média, aos 585 procuradores do Estado de Minas Gerais – 435 da ativa e 150 aposentados ou pensionistas – e os coloca em rota de colisão com o Ministério Público Federal (MPF).

O valor contestado na ação corresponde à soma das parcelas pagas a cada profissional que atua nas causas judiciais envolvendo o poder público mineiro, na forma de honorários de sucumbência. Na prática, funciona como um extra ao salário-base de R$ 12.991,14 mensais.

(Fonte:Estado de Minas)

Política

A articulação política do governo retoma hoje, sob novo comando, os trabalhos no Congresso Nacional, com foco total na reforma da Previdência. O ministro-chefe da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, assume, definitivamente, as rédeas do diálogo entre o Executivo e o Legislativo.

À equipe dele, recomendou descanso no fim de semana, avisando antecipadamente, na última semana, que, a partir de hoje, as atividades vão se intensificar com o retorno das sessões no Parlamento. O trabalho será pesado, afinal de contas, o Palácio do Planalto tem compromissos pendentes a honrar com parlamentares.

(Fonte:Estado de Minas)

Política

Em seis meses de atividades, 230 dos 527 deputados federais que assumiram o mandato em algum momento desta legislatura estiveram ausentes em pelo menos 1/4 das votações nominais da Câmara dos Deputados. É o que aponta um levantamento do G1 com dados de 1º de fevereiro a 12 de julho de 2019.

Isso significa que 44% dos deputados – quase a metade – faltaram, quando exerciam o mandato, a uma de cada quatro votações nominais no plenário da Câmara. As votações nominais são aquelas em que é identificado o posicionamento de cada parlamentar.

(Fonte:G1)

Política

Uma crise política envolvendo a ata de um acordo entre o Brasil e o Paraguai, voltado para a compra de energia elétrica produzida pela Usina de Itaipu, resultou na renúncia do chanceler Luis Castiglioni e do embaixador paraguaio no Brasil Hugo Caballero. A queda foi motivada pela negociação da ata de um acordo bilateral referente ao cronograma de compra de energia elétrica da Itaipu, que pertence aos dois países.

A polêmica envolvendo a ata do acordo, aprovada em maio, também causou as demissões do presidente da Administração Nacional de Eletricidade (Ande), Alcides Jiménez, e do diretor paraguaio de Itaipú, Alberto Alderete

(Fonte:Agência Brasil)

Política

A proprietária da Casa dos Idosos Acolhendo Vidas, o asilo onde a polícia investiga denúncias de maus-tratos contra idosos, se classificava como pastora nas redes sociais e compartilhava diversas mensagens bíblicas proferidas por líderes religiosos da igreja evangélica. Ela também postava, frequentemente, passagens do livro sagrado.

Uma das postagens evidencia um vídeo do pastor Silas Malafaia, um dos mais controversos líderes religiosos, condenando a homossexualidade. Em outro link compartilhado, a mulher celebra a “mudança” feita pelo Evangelho na vida de um “ex-gay”.

(Fonte:Estado de Minas)

Política

O presidente Jair Bolsonaro desperdiçou o período de recesso do Legislativo com uma sequência de polêmicas, o que pode afetar votações de interesse do governo no Congresso e o ânimo de investidores por causa das dúvidas que o estilo presidencial podem gerar sobre o futuro de sua administração. A avalição é de líderes e empresários ouvidos pelo blog.

Prestes a voltarem aos trabalhos, líderes partidários estão desanimados com o que estão encontrando em Brasília no retorno do recesso do Legislativo.

(Fonte:G1)

Política

A Secretaria de Fazenda divulgou, na tarde desta terça-feira, a escala de pagamento dos servidores do estado em agosto. Os valores correspondem ao salário do mês de julho, pagos neste mês.De acordo com a pasta, a primeira parcela será paga no dia 13 e a segunda em 27 deste mês.O governo segue com o pagamento diferenciado para algumas categorias

De acordo com o calendário divulgado, na primeira parcela será depositado até R$ 3 mil para servidores da segurança pública e saúde. No caso dos demais funcionários o valor da parcela é de até R$ 2 mil.

(Fonte:Estado de Minas)

Política

A Procuradoria da República em Brasília vai apurar se houve ilegalidades na portaria que definiu regras para deportação sumária de estrangeiros considerados suspeitos ou perigosos. O procurador do caso pediu informações ao ministro da Justiça, Sergio Moro, que assinou a portaria.

O inquérito civil foi instaurado pelo Ministério Público no dia 29 de julho, e a decisão de apurar o caso, publicada nesta quarta-feira (31).

(Fonte:G1)

Política

O governador do Pará Helder Barbalho anunciou nesta quarta-feira (31) a convocação de forma emergencial de 642 agentes penitenciários classificados no último concurso da Superintendência do Sistema Penitenciário (Susipe).

A decisão foi tomada após a morte de quatro presos de Altamira durante a transferência para Belém. Segundo o governador, os agentes vão se somar aos 485 aprovados no mesmo certame, e que serão empossados no sábado (3), data que foi antecipada pelo Governo do Estado após o massacre em Altamira. Ainda não há previsão para a posse dos agentes excedentes.

(Fonte:G1)

Política

O ex-governador foi condenado hoje (30) pelo juiz Marcelo Bretas, titular da 7ª Vara Federal Criminal do Rio, a uma pena de 18 anos de reclusão em razão de contratos firmados e, possivelmente,

fraudados com empresas de fornecimento de alimentação para escolas da rede estadual de educação e de alimentação para os detentos do sistema penitenciário do Rio. Esta foi a 10ª condenação de Cabral na primeira instância e as penas somadas chegam a 216 anos e 6 meses de reclusão.

(Fonte:Agência Brasil)

Política

O Ministério Público Federal (MPF) disse na tarde desta quarta-feira (31) que os corpos de Fernando Santa Cruz, pai do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, e de outros 11 desaparecidos políticos foram incinerados na usina de Cambaíba em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense.

O resultado da investigação foi revelado ao G1, dois dias após Jair Bolsonaro (PSL) dizer que se o presidente da OAB quisesse saber como o pai morreu, ele, Bolsonaro, contaria. Depois, Bolsonaro atribuiu a morte de Fernando Santa Cruz a grupos terroristas.

(Fonte:G1)

Política

O ministro Alexandre de Moraes, relator do inquérito aberto para apurar ofensas e ameaças a ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou a prorrogação das investigações por mais 180 dias. A decisão é do fim de junho e permite que a apuração continue até o fim deste ano.

Aberto em março por decisão de Dias Toffoli, presidente da Corte, o inquérito foi alvo de críticas inclusive dentro do próprio STF por ter sido aberto sem participação do Ministério Público. Toffoli argumenta que o regimento interno, que tem força de lei, permite a apuração dentro do tribunal.

(Fonte:G1)

Política

Em julgamento de recurso, o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJ-MG) confirmou nesta terça-feira, 30, o bloqueio de R$ 778 milhões de Thor Batista, filho do empresário de Eike Batista.

O processo é movido por Bernardo Bicalho, administrador judicial da MMX, mineradora do grupo do empresário que tem sede em Minas e que está em recuperaçãoJudicial.Três desembargadores do TJ mineiro confirmaram decisão proferida pela juíza Cláudia Helena Batista, da 1ª Vara Empresarial de Belo Horizonte, em março.

(Fonte:Estado de Minas)

 

Política

cassação de Cláudio Duarte (PSL) nessa quinta-feira (1) foi a primeira na história da Câmara de Belo Horizonte, mas pode não ser a última. Há mais três casos na pauta do Legislativo, envolvendo os ex-presidentes da Casa Wellington Magalhães (DC) e Henrique Braga (PSDB) e o estreante Mateus Simões (Novo).

Em legislaturas anteriores, outros vereadores também correram o risco de perder o mandato, mas tiveram os processos arquivados pelos colegas.

(Fonte:Estado de Minas)

Política

A 12 meses do início da sucessão municipal, o prefeito de Belo HorizonteAlexandre Kalil (PSD), admitiu publicamente, pela primeira vez e categoricamente, que é “candidato” (na verdade, é pré-candidato) à própria reeleição nas eleições do ano que vem.

“Sou candidato, sim, porque tenho o que mostrar”, disse ele, com exclusividade, durante entrevista aos editores do Além do Fato, ao comparar o perfil do candidato de 2016, que dizia ‘chega de político’ e o do futuro e eventual candidato de 2020.Sobre a gestão, disse que “até agora, e até o final da gestão, você não ouviu nem vai ouvir sobre escândalo na Prefeitura de Belo Horizonte”.

(Fonte:UAI)

Política

A Justiça Federal divulgou um acordo entre o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e a União para a instalação de 1.140 novos radares para monitorarem 2.278 faixas de rodovias federais não concedidas à iniciativa privada.

A medida resulta de uma ação popular movida há cerca de 3 meses contra a suspensão de instalação de radares definida pelo presidente Jair Bolsonaro.

(Fonte:G1)

Política

O porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, disse hoje (29) que não há evidências de atuação de garimpeiros na área da terra indígena do povo Waiãpi, no Amapá. A Polícia Federal investiga a suposta invasão e a morte do chefe da aldeia Waseity, Emyra Wajãpi, de 62 anos, assassinado a golpes de faca.

“Até o momento, a informação que dispomos é que não há indício de atuação de garimpeiros no local. Necessário, pois, aguardar o termino da investigação pela Polícia Federal. Só assim teremos, claramente, a elucidação dos fatos e como ele veio a ocorrer”, disse Rêgo Barros em entrevista a jornalistas no Palácio do Planalto.

(Fonte:Agência Brasil)

Política

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) entrou com ação no Supremo Tribunal Federal (STF) contra decreto do presidente Jair Bolsonaro que determina a extinção de 11.261 funções gratificadas em instituições federais da área da educação no final deste mês.

Para a entidade, o decreto ofende o princípio da autonomia universitária e extrapola os limites do poder do presidente da República de editar decretos.O relator do caso é o ministro Gilmar Mendes, mas o pedido de medida liminar da OAB contra a extinção das funções pode ser apreciado pelo presidente do STF, ministro Dias Toffoli, durante o recesso do tribunal neste mês.

(Fonte: Estado de Minas)

Política

Ministério da Agricultura aprovou nesta segunda-feira (22) o registro de mais 51 agrotóxicos, totalizando 262 neste ano. O ritmo de liberação de novos pesticidas é o mais alto já visto para o período.

Desse total, 7 são produtos formulados, aqueles que os agricultores podem comprar em lojas de insumos agrícolas. O princípio ativo sulfoxaflor, que controla insetos que atacam frutas e grãos, como a mosca branca e o psilídeo, está em 6 desses produtos.

(Fonte:G1)

Política

ministro da Educação , Abraham Weintraub , foi hostilizado na noite desta segunda-feira (22) em Santarém, no Pará, onde passa férias com sua família. A assessoria de imprensa do ministério informou não ter detalhes do ocorrido.

Em uma publicação em sua conta no Twitter, o ministro relatou que estava jantando com sua esposa e com seus três filhos quando foi cercado pelo que chamou de “os mesmos que se dizem defender os direitos humanos”.

(Fonte: O globo)

Política

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou nesta quarta-feira (24) que o presidente Jair Bolsonaro assinará nesta tarde uma Medida Provisória que vai permitir saques de contas ativas e inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e do PIS-Pasep, a partir de agosto deste ano até março de 2020.

O ministro disse que o limite máximo de saques será de R$ 500,00 por conta.

(Fonte:G1)

Política

Em vigor desde março, a Medida Provisória (MP) 878/2019, que prorroga contratos temporários de pessoal no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), perdeu a validade nesta quarta-feira (24). Ontem (23), outra MP, a 877/2019, que mudava a cobrança de quatro impostos na compra de passagens por órgãos públicos federais – feita diretamente às companhias aéreas – também caducou.

Nos dois casos, as Mps foram aprovadas em comissão mista, mas não chegaram a ser analisadas nos plenários da Câmara e do Senado.

(Fonte:Agência Brasil)

Política

O presidente Jair Bolsonaro falou nesta quinta-feira (25), durante live semanal no Facebook, que pretende extinguir a Agência Nacional do Cinema (Ancine). Ele vem, desde a semana passada, citando que a  agência fomenta, com dinheiro público, obras cinematográficas que atentam contra a família, e voltou a citar o caso do filme Bruna Surfistinha, lançado em 2011.

Na época, o filme recebeu cerca de R$ 4,3 milhões em renúncia fiscal, segundo a Ancine, mas obteve bilheteria de R$ 20 milhões e foi visto por mais de 2 milhões de espectadores no cinema.

(Fonte:Agência Brasil)

Política

Para embalar o sonho do PSL de conquistar grandes colégios eleitorais em Minas na eleição municipal do próximo ano, como informou o site Além do Fato, a legenda está apostando nos recursos milionários do Fundo Partidário. Isso porque o partido pode ter, em 2020, quase meio bilhão de reais (R$ 480 milhões) de financiamento público.

Esse valor representa um crescimento estratosférico de 2.644% no recurso que a legenda, até então no rol das nanicas, teve na eleição de 2018, que foi de R$ 17,5 milhões. O que explica crescimento tão fenomenal?No rastro de Jair Bolsonaro, o partido, que só tinha um deputado federal, elegeu 52 parlamentares para a Câmara em 2018

(Fonte:UAI)

Política

O prefeito Marcelo Crivella demitiu o engenheiro civil e ex-secretário de Obras do governo Eduardo Paes, condenado em duas ações da Operação Lava Jato pelo juiz Marcelo Bretas, titular da 7ª Vara Federal Criminal do Rio. Pinto ainda era servidor público do município do Rio. A exoneração foi divulgada no Diário Oficial do município de hoje (25).

No mesmo ato, Crivella demitiu também os engenheiros Eduardo Fagundes de Carvalho e Antônio Carlos Bezerra.  Os dois servidores foram denunciados pelo Ministério Público Federal (MPF) de receber propina em obras da prefeitura no governo de Eduardo Paes.

(Fonte:Agência Brasil)

Política

Uma médica morreu em uma tentativa de assalto na Zona Oeste do Rio na noite desta quinta-feira (25). Ela foi baleada na cabeça.Maura Selvaggi Soares, de 61 anos, chegava em casa quando bandidos abordaram o carro onde ela estava. O crime aconteceu às 22h20 na Rua Einstein, na Barra da Tijuca.

Imagens de uma câmera de segurança mostram a ação. Maura aguarda o portão da garagem abrir, quando um homem chega à janela do carro. Ele foge e parece não levar nada. O carro avança.

(Fonte:G1)

Política

Portaria publicada hoje (25) no Diário Oficial da União estabelece que pessoas consideradas perigosas “ou que tenham praticado ato contrário aos princípios e objetivos dispostos na Constituição Federal” poderão ser deportadas sumariamente ou ter seu visto de permanência no Brasil reduzido ou cancelado.

Os procedimentos administrativos para decidir o destino destas pessoas serão instaurados pelos delegados responsáveis por unidades da Polícia Federal (PF)

(Fonte:Agência Brasil)

Política

Depois de dois dias de reunião, o Conselho da Comissão de Anistia – vinculado ao Minsitério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos -, responsável pela análise da concessão de benefício para requerentes que sofreram perseguição política terminou nesta quinta-feira (25),

com 10 indeferimentos e três deferimentos, um deles parcial. Também foram feitos 84 pedidos de vista – mais tempo para analisar os processos – e os conselheiros converteram seis processos em diligência e retiraram dois de pauta. Foram analisados 105 processos.

(Fonte:Agência Brasil)

Política

A Polícia Federal (PF) informou na quarta-feira (24), em coletiva de imprensa, que mil números telefônicos diferentes podem ter sido alvo da quadrilha suspeita de hackear o aplicativo de mensagens Telegram do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e de outras autoridades. O ministro da Economia, Paulo Guedes, também pode estar entre as vítimas.

“Aparentemente, mil números telefônicos diferentes foram alvo desse mesmo modus operandi dessa quadrilha.

(Fonte:Agência Brasil)

Política

PT divulgou uma nota na noite desta quarta-feira (24) na qual afirmou que o inquérito que apura a atuação de supostos hackers para invadir o celular do ministro Sérgio Moro (Justiça) se tornou uma “armação” contra o partido.

A nota foi divulgada após Ariovaldo Moreira, advogado do DJ Gustavo Henrique Elias Santos, um dos presos pela Polícia Federal, ter dito que o cliente afirmou que a intenção de Walter Delgatti Neto, apontado como o hacker que invadiu os celulares de Moro e outras autoridades, queria vender ao PT as mensagens que obteve.

(Fonte:G1)

Política

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, terá pela frente, hoje, um dos maiores desafios desde que assumiu o posto. No final da manhã, ele terá uma reunião com líderes dos caminhoneiros, que ameaçam deflagrar uma nova paralisação caso não tenham atendidas as reivindicações por remuneração maior pelo transporte de mercadorias.

Os transportadores autônomos estão insatisfeitos, entre outros pontos, com a Resolução nº 5.849/2019 da Agência Nacional dos Transportes Terrestres (ANTT), que estabeleceu preços mínimos para os fretes. A tabela foi temporariamente suspensa para evitar o acirramento de ânimos entre a categoria, enquanto o governo busca encontrar uma solução para o problema.

(Fonte: Correio Braziliense)

Política

O Ministério Público (MP) do Rio de Janeiro vai recorrer ao Tribunal de Justiça (TJ) para tentar reverter a decisão judicial que impôs à agente comunitária de saúde Rosilaine Santiago a perda da guarda de seu filho de 8 anos pelo fato de ela morar em uma área considerada de risco.

Em nota, o MP considerou a decisão de entregar a criança ao pai, que vive em Santa Catarina, absurda e preconceituosa e disse que vai agir na qualidade de garantidor da ordem jurídica e dos direitos democráticos, uma vez que a pobreza não pode ser fator preponderante para definir quem melhor exercerá a guarda de um filho.

(Fonte:Correio Braziliense)

Política

O governo federal pretende anunciar nesta quarta-feira (24) a liberação de saques anuais de contas ativas e inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e do PIS-Pasep. O anúncio será no Palácio do Planalto, em cerimônia com o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes.

De acordo com o ministro, o valor a ser liberado pelo governo deverá somar R$ 42 bilhões, sendo R$ 30 bilhões em 2019 e outros R$ 12 bilhões em 2020.

(Fonte:G1)

Política

O smartphone de Paulo Guedes teria sido hackeado. O fato foi comunicado à imprensa via e-mail pela assessoria do Ministério da Economia, na noite desta segunda-feira (22). O aviso pede que eventuais mensagens disparadas pelo número de Guedes sejam desconsideradas.

Ainda de acordo com a assessoria, o ministro já tomou as medidas cabíveis e dará mais detalhes sobre caso nesta terça (23).

(Fonte:Estado de Minas)

Política

Se o pai, Jair Bolsonaro, mantiver a indicação do filho Eduardo (PSL-SP) e se o deputado não escorregar na sabatina de maneira imperdoável até mesmo para os governistas, as chances de ele ser aprovado, tanto na Comissão de Relações Exteriores como no plenário do Senado, são cada vez maiores.

A sensação no Legislativo é de que não se vetaria um pedido pessoal do presidente sob pena de um desgaste em dimensões únicas — seria um recado direto ao capitão reformado. Mas as votações, na comissão e no plenário, são por maioria simples e secretas, o que facilita a vida de Eduardo e do pai.

(Fonte:Correio Braziliense)

Política

Seis meses após o mar de lama da barragem da mina do Córrego do Feijão varrer parte da cidade de Brumadinho, em Minas Gerais, a legislação de barragens permanece inalterada.

Desde o acidente, o Congresso Nacional apresentou 78 projetos de lei para fortalecer a fiscalização e a punição a mineradoras que infringirem o Código de Mineração, mas até agora nenhuma teve a tramitação concluída.

(Fonte:G1)

Política

O Ministério da Justiça e Segurança Pública revogou a condição de refugiados dos paraguaios Juan Francisco Arrom Suhurt, Anuncio Martí Méndez e Victor Antonio Colmán Ortega.

Segundo a pasta, eles são acusados, no Paraguai, de cometer crime de extorsão mediante sequestro – o que configura crime comum e não crime político, não sendo abarcado pelo instituto do refúgio.

(Fonte:Agência Brasil)

Política

Um jovem de 19 anos foi preso suspeito de desenvolver um sistema capaz de promover fraudes bancárias. Agentes da Delegacia de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC), em parceria com a Polícia Civil de Minas Gerais, encontraram Ramon Moraes da Silva em casa, em Juiz de Fora (MG), na manhã desta segunda-feira (22/7).

O software desenvolvido pelo jovem era capaz de infectar modens ou roteadores e capturar senhas de usuários do internet banking. As informações permitiam a subtração de valores depositados nas contas bancárias. Durante depoimento, Ramon admitiu a prática, mas negou ter invadido contas. Ele será transferido para Brasília e deve responder pelos crimes de organização criminosa e criação de malware — tipo de vírus usado na fraude.

(Fonte:Correio Braziliense)

 

Política

O governo experimentou, ontem, por algumas horas, o dissabor de uma paralisação de caminhoneiros. Responsáveis por parar o país, em maio do ano passado, transportadores autônomos obstruíram trechos de rodovias no Sudeste e no Nordeste, entre a noite de domingo e as 13h de ontem.

Sob a coordenação do ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, o Executivo agiu para evitar a proliferação do movimento. Ao fim da tarde, por orientação de Freitas, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) suspendeu a Resolução 5.849/2019, que determinava a nova política de preços mínimos do frete.

(Fonte:Correio Braziliense)

Política

A corrida para a sucessão da primeira-ministra britânica Theresa May termina nesta segunda-feira com o encerramento da votação dos membros do Partido Conservador, e salvo uma surpresa Boris Johnson será na terça-feira declarado o vencedor.

Favorito nas pesquisas e entre os membros do Partido Conservador, Johnson já pode esperar dificuldades internas, com alguns em desacordo com a sua estratégia sobre o Brexit, e a crise diplomática com o Irã.”Bojo”, como é chamado, de 55 anos, ex-prefeito de Londres e ex-ministro das Relações Exteriores, enfrenta Jeremy Hunt, 52 anos, seu sucessor no comando da diplomacia britânica.

(Fonte:Estado de Minas)

Política

O Ministério Público do Rio faz um pente-fino nas contas eleitorais do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) para saber se o dinheiro arrecadado por Fabrício Queiroz com outros assessores do antigo gabinete dele na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) irrigou campanhas políticas do filho mais velho do presidente Jair Bolsonaro.

Doações recebidas diretamente e via partidos e despesas contratadas, como de gráficas, pessoal e locação de veículos, são investigadas desde o fim de março pelo Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção (Gaecc) no âmbito do inquérito que apura supostos crimes de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa por meio do desvio de salário de assessores no gabinete de Flávio na Alerj.

(Fonte:Estado de Minas)

Política

O prefeito de Contagem Alex de Freitas é alvo na manhã desta quarta-feira (17) de uma operação da Polícia Civil e do Ministério Público de Minas que apura os crimes de lavagem de dinheiro, ocultação de bens e valores e outros possíveis delitos contra o dinheiro público.

Além do chefe do Executivo do município da Região Metropolitana de Belo Horizonte, o secretário de Defesa Social da cidade Décio Camargos de Aguiar Júnior figura como investigado.

(Fonte:Estado de Minas)

Política

O Ministério da Saúde informou hoje (16) que 19 parcerias de Desenvolvimento Produtivo (PDPs) estão em fase de suspensão. As parcerias foram firmadas para a produção de medicamentos como insulina, usada para diabetes, e pramipexol, usado no tratamento de doença de Parkinson.

A etapa atual permite que os laboratórios públicos apresentem medidas para reestruturar o cronograma de ações e atividades.

(Fonte:Agência Brasil)