Saúde em Foco

De acordo com a OMS, até 2020, a depressão será a maior causa de afastamento do trabalho.

Depressão no ambiente de trabalho

De acordo com a OMS, até 2020, a depressão será a maior causa de afastamento do trabalho, no mundo.  Os casos de afastamento por doença do trabalho cresceram cerca de 25% entre 2005 e 2015, atingindo 181.608 pessoas no Brasil, conforme dados do Anuário do Sistema Público de Emprego e Renda do Dieese, com base na Relação Anual de Informações Sociais (Rais). Segundo a Organização Mundial de Saúde – OMS, até 2020, a depressão será a maior causa de afastamento do trabalho, no mundo. No Brasil a situação é gravíssima e clama por atenção dos envolvidos. Informações colhidas junto ao site do Senado Federal, revelam que a depressão é hoje a segunda causa de afastamento do trabalho no território brasileiro, só perdendo para as Lesões por Esforço Repetitivo (LER), também denominados Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (DORT). A OMS ainda aponta que a perda de produtividade em decorrência de transtornos depressivos e de ansiedade demandam gastos de 1 trilhão de dólares por ano à economia global.

Leia mais…

Saúde em Foco

SAÚDE904 mil pacientes na espera por cirurgia: defasagem da Tabela SUS é um dos motivos

Segundo dados divulgados pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), mais de 904 mil pacientes aguardam na fila de espera por cirurgias no Sistema Único de Saúde. As informações mostram que em alguns casos a espera já se estende há 12 anos, sendo que só no estado de São Paulo 153 pacientes aguardam há mais de uma década. O levantamento do CFM levou em consideração os dados de 16 estados do País e contabilizou apenas procedimentos eletivos: nome dado às cirurgias que não são caracterizadas como urgentes ou emergenciais. Dentre os destaques dessa lista estão as cirurgias de catarata (113.185), correção de hérnia (95.752), retirada da vesícula (90.275), varizes (77.854) e de amígdalas ou adenoide (37.776), que juntos somam metade da fila.

Leia mais…

Saúde em Foco

PARACATUPREFEITURA RECEBE 04 NOVOS VEÍCULOS PARA A SAÚDE NA ÁREA URBANA E ATENDIMENTO MÉDICO NA ZONA RURAL

Na tarde desta quarta-feira (07/12) a Prefeitura de Paracatu recebeu quatro novos veículos que irão atender as demandas da saúde pública no município. Os veículos Fiat Mob completos foram destinados através de emendas parlamentares. Dois deles, através do trabalho e solicitação da  vereadora Marli Ribeiro (PSDB) que requereu empenho da verba para compra dos carros ao deputado federal Lincoln Portela, autor da emenda.  A verba  no total de R$ 100 mil (cem mil reais), conquistada pela vereadora Marli, foi utilizada para a compra dos dois veículos e outros R$ 30 mil (trinta mil reais) foram destinados para a aquisição de móveis e equipamentos como câmara de conservação de vacina e computadores. A licitação desses equipamentos acontecerá no dia 22 de dezembro. Os veículos foram entregues em solenidade em frente à hemodiálise do município. A vereadora Marli Ribeiro destacou a importância de investir em saúde e principalmente na atenção básica.

Leia mais…

Saúde em Foco

SAÚDEPrepare-se para os “exames de fim de ano”

Todo paciente contribui em alguma medida para a acurácia dos exames laboratoriais que realiza. Afinal, é uma amostra de seu corpo (sangue, urina etc.) que será analisada por especialistas no assunto. Sendo assim, buscar informações sobre o preparo necessário a determinados exames é fundamental para que os resultados sejam 100% confiáveis. Outra conduta importante é informar o atendente sobre quais medicamentos – incluindo vitaminas e fórmulas manipuladas – está, eventualmente, fazendo uso. Esse tipo de informação é fundamental e pode ser muito útil em caso de haver dúvidas sobre os resultados.

Leia mais…

Saúde em Foco

SAÚDEObesidade no Brasil: como melhorar o cenário? Especialistas comentam medidas cabíveis na luta contra o problema

Segundo dados do Ministério da Saúde, não há dúvidas sobre a dimensão que a questão atingiu no Brasil: 62% da população está excessivamente acima do peso. O problema, frequentemente discutido por profissionais e autoridades em saúde no mundo inteiro, representa uma das maiores preocupações associadas à qualidade de vida atualmente. No Brasil, busca-se compreender como se pode frear o crescimento do distúrbio em um país onde as áreas de Educação e Saúde ainda precisam evoluir. No entanto, antes de identificarmos as soluções mais adequadas e efetivas, precisamos entender o cenário brasileiro e o que está levando ao aumento desenfreado da obesidade.

Leia mais…

Saúde em Foco

CRISE NA SAÚDEDespesa obrigatória em saúde não será cumprida em 2017

O secretário-adjunto de Estado de Saúde de Minas Gerais, Nalton Sebastião Moreira da Cruz, afirmou, aos deputados da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), que a execução financeira mínima para o setor, referente a 12% do orçamento, prevista na Constituição Federal, não será cumprida em 2017. A informação foi repassada em audiência pública, realizada nesta quarta-feira (13/12/17), para apresentação do relatório de informações do gestor do Sistema Único de Saúde (SUS) no Estado. De acordo com ele, a situação financeira é de calamidade e este ano marca o ápice da falta de recursos. Aos parlamentares, disse que a prioridade é a questão hospitalar, uma vez que há fornecedores com pagamentos atrasados há 12 meses. “Isso dificulta a compra de medicamentos e equipamentos. Inevitavelmente o passivo será aumentado”, afirmou.

Leia mais…

Saúde em Foco

VACINAÇÃO PELO NORDESTESERGIPE TEM 317,7 MIL DOSES PARA ATUALIZAR VACINAÇÃO

Sergipe recebeu 317,7 mil doses de vacinas para colocar em dia a situação vacinal de crianças e adolescentes do estado. Desse total, 163,6 mil são doses extras destinadas para a campanha de Multivacinação 2017, que acontece até o próximo dia 22 (sexta-feira). Neste sábado, postos de saúde de todo país estarão de portas abertas, disponibilizando 21 vacinas contra doenças que ainda não estão eliminadas e, portanto, representam riscos para quem não estiver imunizado.

Saúde em Foco

TODAS EM UMA| CIENTISTAS AMERICANOS DESENVOLVEM INJEÇÃO ÚNICA QUE PODE REUNIR TODAS AS VACINAS INFANTIS.

Um dos primeiros “presentes” de quase toda criança é uma carteira de vacinação a ser preenchida com cada uma das doses que ela precisa tomar para poder se proteger de doenças. Mas uma tecnologia que está sendo desenvolvida nos Estados Unidos pode mudar um pouco essa realidade. A ideia é criar uma só dose que valesse por todas – uma única injeção que daria às crianças todas as imunizações de uma vez.

Essa dose única armazenaria as vacinas em cápsulas microscópicas, que seriam liberadas aos poucos em tempos específicos. A técnica começou a ser aplicada em estudos com camundongos e foi divulgada na publicação científica Science. Cientistas afirmam que a tecnologia poderia ajudar pacientes em todo o mundo (Fonte.: BBC Brasil).

Saúde em Foco

SAÚDE EM FOCO| EUA APROVAM “DROGA VIVA” , PRIMEIRA TERAPIA CONTRA CÂNCER QUE REESTRUTURA SISTEMA IMUNOLÓGICO DO PACIENTE.

Os Estados Unidos aprovaram o primeiro tratamento que reestrutura o sistema imunológico do paciente para atacar o câncer. A agência reguladora de medicamentos do país – a FDA – diz que a decisão foi um momento “histórico” e que a medicina agora “entra em uma nova fronteira”.

A companhia Novartis cobra US$ 475 mil (R$ 1,5 milhão) pela terapia da “droga viva”, que deixa 83% das pessoas livres de um tipo de câncer no sangue. A droga é fabricada sob medida para cada paciente, ao contrário de terapias convencionais contra o câncer, como a cirurgia e a quimioterapia (Fonte.: BBC Brasil).

Saúde em Foco

NICOTINACIGARRO ATUA NO SISTEMA NERVOSO MAIS RAPIDAMENTE QUE COCAÍNA E HEROÍNA

O  tabaco apresenta nicotina, um componente que atua no sistema nervoso central da mesma forma que a cocaína, heroína e álcool, porém de maneira mais rápida, chegando ao cérebro entre sete e 19 segundos. “Fumar pode trazer vários perigos à saúde, como 85% dos casos de cânceres de pulmão, além de doenças coronarianas, sendo responsável por 25% dos infartos e anginas (dor no peito). Ainda, provoca doença pulmonar obstrutiva crônica, como bronquite e enfisema, como também acidente vascular cerebral (AVC), úlceras gastrointestinais e infecções respiratórias”, alerta o pneumologista do Hospital e Maternidade São Cristóvão, Dr. Waldomiro José (Noticias ao Minuto).

Saúde em Foco

ANVISA SUSPENDE COMERCIALIZAÇÃO DE LOTES DE PARACETAMOL E AMOXILINA

Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) recolheu lotes de medicamentos que têm como príncipio ativo o paracetamol e a amoxilina. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (30-08) no Diário Oficial da União.  Segundo a agência, estão suspensos em todo o Brasil a distribuição e a comercialização do medicamento genérico “Parecetamol solução oral 200mg/mL”, lote 0130/16, com validade em março de 2018. O medicamento é fabricado pela Hipolabor Farmacêutica (G1).

Saúde em Foco

SAÚDE EM FOCO| VACINAÇÃO EM QUEDA NO BRASIL PREOCUPA AUTORIDADES POR RISCOS DE SURTOS E EPIDEMIA DE DOENÇAS FATAIS.

Desde 2013, a cobertura de vacinação para doenças como caxumba, sarampo e rubéola vem caindo ano a ano em todo o país e ameaça criar bolsões de pessoas suscetíveis a doenças antigas, mas fatais. O desabastecimento de vacinas essenciais, municípios com menos recursos para gerir programas de imunização e pais que se recusam a vacinar seus filhos são alguns dos fatores que podem estar por trás da drástica queda nas taxas de vacinação do país. O Brasil é reconhecido internacionalmente por seu amplo programa de imunização, que disponibiliza vacinas gratuitamente à população por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). Criado em 1973, o Programa Nacional de Imunização (PNI) teve início com quatro tipos de vacina e hoje oferece 27 à população, sem qualquer custo. Nem mesmo a crise econômica afeta o bilionário orçamento da iniciativa, estimado em R$ 3,9 bilhões para 2017 (Fonte.: BBC Brasil).

,